Facebook Pixel

Idéias, o blog de Marketing Digital da Tribeca

Experiência do usuário e SEO: entenda a relação

Há pouco tempo atrás muitas pessoas ainda acreditavam que SEO e experiência do usuário não caminhavam juntos - além de, claro, acreditarem que o segundo não era tão relevante quanto o primeiro, uma vez que o objetivo inicial era apenas o rankeamento nos mecanismos de busca. Aposto que você também já pensou nisso, né?!

Graças às mudanças feitas nos códigos do Google, essa realidade mudou bastante. Hoje os mecanismos de busca têm dado prioridade para as empresas que investem na experiência do usuário de forma considerável, uma vez que o objetivo dessas plataformas é exatamente dar aos usuários as respostas corretas sobre as questões que estão buscando naquele momento.

Entendendo a importância da experiência do usuário para o SEO

Como dito anteriormente, os mecanismos de busca têm dado preferência para os sites que estão otimizados considerando a experiência do usuário.

Principalmente no caso de e-commerces, a experiência do usuário se torna fundamental para garantir que sua loja esteja bem posicionada, uma vez que o Google entende uma loja de confiança como sendo uma que possui grandes números em conversão. Uma vez que sua loja vende muito, os mecanismos de busca entendem que aquela loja consegue atender aos pedidos dos usuários por um produto X, e passa a dar mais credibilidade para aquele link, posicionando-o nas primeiras posições nos resultados orgânicos.

Nesse exemplo dos e-commerces, a experiência do usuário é, antes de mais nada, uma loja bem intuitiva, onde o usuário não se perde em dúvidas de como seguir o passo a passo até a finalização de compras. O mesmo pode ser considerado nos websites.

Um site bom é um site intuitivo

Assim como os e-commerces, os sites intuitivos são aqueles que se destacam nos mecanismos de busca. Quando pensamos em um website intuitivo, temos que levar em consideração a praticidade e o caminho que o leitor segue desde o momento da home, até a área de conversão.

É interessante, nesse momento, que os CTAs (Call to Action) tenham destaque, para que o usuário consiga ver, sem muito esforço, quais são os próximos passos a seguir. Para isso, sempre recomendamos que as páginas estejam com um design mais clean, deixando o destaque apenas para aqueles pontos que realmente resultam na ação do leitor para garantir assim uma melhor experiência do usuário.

Conteúdo é a chave para o usuário e para SEO

Quando pensamos em SEO e experiência do usuário, precisamos levar o conteúdo em consideração. Um bom site, blog ou e-commerce é aquele que possui o máximo de informações para o leitor. Isso auxilia a diminuir todas as dúvidas que esse leitor possui, além de auxiliar no rankeamento nos mecanismos de busca. Quando mais informações damos ao usuário, melhor!

Uma das mudanças consideráveis que podemos observar nos mecanismos de busca é que eles estão, já há algum tempo, focando cada vez mais no usuário. Pensando nisso, o segredo para ter um bom website é, justamente, pensar em como o seu leitor ou prospect se sentiria ao entrar em contato com aquelas informações: sanaria suas dúvidas? Conseguiria chegar à página de conversão de forma tranquila ou enfrentaria muitos obstáculos? Tudo isso deve ser levado em consideração.

Esqueça essa ideia de focar as otimizações do seu site apenas nos mecanismos de busca! É o usuário quem precisa da sua atenção.

Tem alguma dúvida? Não deixe de comentar!